Seja Bem Vindo ao Maior Portal de Estudos do Preterismo Completo do Brasil Para a Glória de Deus!

Postados até aqui...

Loading...

PRECISAMOS DE SUA AJUDA!

Amigo e irmãos seguidores desse Blog. Em vista de alcançar um número maior de pessoas interessadas em aprender o Preterismo Completo vimos que o nosso equipamento de captação de vídeo tem deixado muito a desejar em termos de qualidade e acreditamos que uma capitação de mais nitidez ajudaria e muito nesse trabalho. Logo; estamos solicitando uma doação de um equipamento dessa natureza: Uma Filmadora, Uma Web Cam de qualidade, Um celular de boa resolução pra filmagem...Em fim, não é necessário que seja nova! Estando em bom estado é que importa. Não estamos tratando de quantia em dinheiro certo? Por tanto; quem tiver um desses equipamentos e sentir o desejo de doa entre em contato no privado e não se preocupe com os encargos de envio. Dês de já agradecemos a atenção dispensada e um abraço. escatologiaplena@hotmail.com

Translate

quinta-feira, 14 de junho de 2012

As dez razões de uma fé hipócrita


           Por Erivelto Soares
"Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor.Mas considerai isto: se o pai de família soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa.Por isso, estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não penseis".   Mateus 24:42-44

Se os futuristas e os preteristas parciais estão aguardando a qualquer momento o cumprimento dessa profecia qual a razão deles:
- Investirem tanto na educação dos filhos para que eles tenham um futuro promissor?
- Ter conta no banco?
- Se preocupar com a questão da sustentabilidade? afinal toda terra "será destruída mesmo"!
- Serem dono de patrimônios?
- Viverem na expectativa da copa de 2014 no Brasil?
- Discutirem tanto sobre problema político? Afinal, “a nossa pátria estar nos céus!”?
- Se preocupar com Processo encalhado, Indenização Processual?
- Por ventura faz uma “fezinha” na Loteria? Afinal se o Senhor “Voltar” duas horas depois do resultado, qual será o proveito da premiação?
- Comprarem apartamento na planta, carro e moto em consórcio?
- Demorarem de compartilhar essa postagem! Se você é um futurista ou parcial preterista corra! ainda pode ser que dê tempo para alertá-los! Afinal “Ele vem como ladrão” e pode pegar muita gente desprevenida não é verdade? engraçado é que quando observamos em todo o novo testamento a igreja do Primeiro século que aguardou e vivenciou o cumprimento dessa profecia não vivia a fé que os futuristas e parciais preteristas vivem não!Logo vemos que a fé dos Futuristas e Parciais preteristas não passa de uma Fraude.


Soli Deo gloria

4 comentários:

Anônimo disse...

Erivelto, quero corrigi-lo e dizer que os preteristas parciais NÃO estão aguardando a qualquer momento o cumprimento daquelas palavras de Mateus 24.42-44. De fato, Jesus virá num dia desconhecido, mas sobre isto vc poderá encontrar em outras passagens. Aqui Mateus a exclusividade dessa "vinda" é sobre o juízo contra Israel.

Anônimo disse...

Mateus 24:42-44 é exclusivo para a vinda em juízo contra Israel no ano 70 d.C.
Outro motivo pelo qual os preteristas parciais não aguardam o cumprimento da segunda de Cristo para qualquer momento é porque eles entendem que o Reino de Deus precisa encher toda a Terra e o mundo desfrutar das bençãos de se conhecer o evangelho. Isto leva séculos, milênios, ou como alguns teólogos sugerem; 40 mil anos, pois a igreja é herdeira das promessas feitas a Israel e Deus prometeu fazer misericórdia por mil gerações, ou seja, 40 mil anos.
Cristo só virá quando o mundo inteiro estiver sujeito aos seus pés e o último inimigo a ser vencido será a morte.
Para conhecer o preterismo parcial é necessário conhecê-lo direto da fonte.

ERIVELTO SOARES disse...

Resposta:
Para argumentar que o julgamento final não poderia ter sido com a queda de Jerusalém temos que ignora várias passagens enfáticas que colocou o julgamento final em contexto da geração do primeiro século.
Em Mateus 16:27-28 Jesus disse que viria com os seus anjos, na glória e retribuiria a cada um segundo as suas obras, e alguns que estavam de pé na hora que ele falou essas palavras não morreriam até que o visse chegar com o reino. Na pior das hipóteses só uma hermenêutica questionável arbitrariamente dividiria os versos 27-28, mas é exatamente isso que a maioria dos comentaristas fazem, porém não há base contextual para isso. Em um exame básico do texto, fica evidente que o leitor vai perceber que o texto apresenta a vinda do Senhor. É a vinda para julgar "cada homem"! E isso iria acontecer antes que a geração do Senhor passasse. Uma Comprovação integral deste evento encontra-se em Apocalipse 22:12, onde Jesus disse: "Eis que venho sem demora, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo as suas obras". Jesus cita aqui a sua própria promessa de Mateus 16 e os estados em termos inequívocos, que a sua vinda para o juízo estava às portas. O leitor vai observar também que este é o julgamento de cada homem! É, portanto, o "juízo universal", pois o juízo universal era iminente, quando João escreveu! Pedro também acreditava que o julgamento estava às portas. Ele disse que Jesus estava "pronto a julgar os vivos e os mortos", I Pedro 4:5. Ele insistiu "o fim de todas as coisas está próximo", 4:7, e veja isso em conexão com a queda de Jerusalém no verso 17 "chegou o momento para o julgamento a começar pela casa de Deus..." Certamente esse é o julgamento dos "vivos e os mortos", o "fim de todas as coisas" qualificadas como "juízo universal". Sendo isto verdade, como a iminência dessas passagens pode ser ignorada?
Poderíamos continuar com outras citações, porém esses são suficientemente claros onde mostram que os escritores do Novo Testamento acreditavam piamente que o julgamento de todos estava às portas, e esse julgamento esteve em conexão com a queda do templo judaico desconsiderando assim outros eventos escatológicos fora disso.
Em Mateus 23:29-39 Jesus condenou os judeus e sua cidade. Ele declarou que sobre eles viriam um grande julgamento onde "todo o sangue justo derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até ao sangue de Zacarias, filho de Baraquias, a quem matastes entre o santuário e o altar." Seria requerido. É um descuido trágico não ver esse julgamento NA QUEDA DE JERUSALÉM EM 70 d. C, ele foi estritamente judaico? Não havia judeus na época de Abel! No entanto, o sangue de Abel seria justificado pelo juízo! Na queda de Jerusalém o sangue dos santos derramado através dos tempos, todo o caminho de volta para a criação foi feito justiça e julgado. Compare Lucas 18:1-8, Hebreus 11; Apocalipse 6:9-11. Quando foi que isso aconteceria? Leia o versículo 36. "Em verdade vos digo que todas estas coisas hão de vir sobre esta geração".
Contra fatos não há argumentos. A destruição de Jerusalém na verdade foi muito mais do que a queda de uma cidade judaica. Havia fatores universais, espirituais e realidades eternas no trabalho, "nos bastidores" muito presente e muito real, no entanto.

ERIVELTO SOARES disse...

O colega Anônimo também não percebe que defender uma vinda posterior ao Juízo de Jeruslém em 70 d.C e professar uma terceira vinda de Cristo e essa tese é desconhecida na Bíblia. A Bíbli é enfática em declarar pra que geração a sua vinda estava proposta: Mateus 24:34, Mateus 16:27-28, Apocalipse 1:7. TEm alguém da geração de Jesus ainda em vida? Existe alguém vivo para testemunhar o dia em que Jesus viria em juízo conforme Mateus 16:27-28? Existe ainda em vida pessoas que traspassara a Cristo para presenciar a sua vinda?
Vale lembrar que uma geração é determinada pelo tempo de 40 anos, período em que um pai ver o seu filho ter filhos. Ficando mais uma vez óbvio que os textos referentes a uma Geração que vivenciaria o tempo do fim não é a nossa. Fazendo os cálculos do tempo das gerações, chegamos a um surpreendente resultado. Veja; se estamos no século XXI e um século é uma unidade de tempo que equivale a cem anos. Logo, meio século equivale há 50 anos e 10 séculos equivalem há 1.000 anos, ou seja, um milênio. Então se estamos no século XXI; já se passaram XX séculos da geração referida nos textos acima, dois milênios e cinquenta gerações!

Seguir por e-mail

Comentários recentes