Seja Bem Vindo ao Maior Portal de Estudos do Preterismo Completo do Brasil Para a Glória de Deus!

Postados até aqui...

Loading...

Translate

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Todos agora são salvos! Uma refutação da falácia universalista da salvação universal na nova aliança.



Pr. Erivelto Soares

É um dos pontos ensinado pelo universalismo onde se ensina que todos são salvos devido ao grande julgamento já ter ocorrido em 70 d.C. Na concepção filosófica universalista, hoje na nova aliança todos já nascem salvos! E sendo já concebido salvo, não há possibilidades de punição para os injustos, pois todos seriam justos diante de Deus. Eles alegam que o joio já foi separado do trigo e jogado no fogo eterno. Logo, todos os seres humanos são trigo e ovelha de Deus.

Tese absurda essa! E além do mais, fere os princípios cristãos de salvação. Vamos examinar essa questão minuciosamente.
Como já foi dito, a Escatologia é pactual e não cósmica! A parábola do joio e do trigo é alusão do Julgamento final onde os justos obteriam o reino e os injustos seriam lançados no lago de chofre e enxofre. Veja como isso é verdade “Assim como nesta ilustração o joio é apartado e queimado, assim também será no fim do mundo: mandarei os meus anjos, que apartarão do reino tudo o que provoca o pecado e todos os que sejam maus, e os lançarão na fornalha e os queimarão. Ali haverá choro e lamentos de desespero. Então os justos brilharão como o Sol no reino do seu Pai. Quem tem ouvidos e sabe ouvir, que ouça!” Mateus 13:40-43

Acontece que esse julgamento o julgamento final foi uma prerrogativa de aliança! A punição da lei deveria cair sobre aquela geração para que os injustos DÊS DO ÉDEN não desfrutassem das bênçãos do Reino, enquanto os justos DÊS DO ÉDEN brilhariam como o sol no reino de seu pai.

Observe as advertências de Jesus quanto a obstinação daquele povo:
“Para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até o sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que mataste entre o santuário e o altar. Mateus 23:35

“Enchei vós, pois, a medida de vossos pais. Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?” Mateus 23:32,33

Veja! Pra aquele povo obstinado estava reservado a condenação eterna. Esses que eram o joio e que seriam lançados no lago de fogo a saber a segunda morte. A Escatologia foi pactual, e o fim daquela aliança também seria o fim também de seu povo que foi dizimada na destruição de Jerusalém ocorrida em 70 d.C 

Você deve me perguntar: "E hoje, depois de 70 d.C?"

Veja; quando o Senhor Jesus veio em carne, ele estabelece um novo caminho de Justiça para a salvação, não mais pelas obras da lei e sim pela fé somente. Veja como faz sentido nesse diálogo do Senhor Jesus com os escribas e fariseus, uma vez que eles conheciam a Deus e toda Lei, o Senhor Jesus apresentou o fator pela qual eles seriam condenados: “Perguntavam-lhe então: Quem és tu? Respondeu-lhes Jesus: Exatamente o que venho dizendo que sou. Muitas coisas tenho que dizer e julgar acerca de vós; mas aquele que me enviou é verdadeiro; e o que dele ouvi, isso falo ao mundo. Eles não perceberam que lhes falava do Pai. Prosseguiu, pois, Jesus: Quando tiverdes levantado o Filho do homem, então conhecereis que eu sou, e que nada faço de mim mesmo; mas como o Pai me ensinou, assim falo. E aquele que me enviou está comigo; não me tem deixado só; porque faço sempre o que é do seu agrado. Falando ele estas coisas, muitos creram nele. Dizia, pois, Jesus aos judeus que nele creram: Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sois meus discípulos; e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Responderam-lhe: Somos descendentes de Abraão, e nunca fomos escravos de ninguém; como dizes tu: Sereis livres? Replicou-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado. Ora, o escravo não fica para sempre na casa; o filho fica para sempre. Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. Bem sei que sois descendência de Abraão; contudo, procurais matar-me, porque a minha palavra não encontra lugar em vós. Eu falo do que vi junto de meu Pai; e vós fazeis o que também ouvistes de vosso pai. Responderam-lhe: Nosso pai é Abraão. Disse-lhes Jesus: Se sois filhos de Abraão, fazei as obras de Abraão. Mas agora procurais matar-me, a mim que vos falei a verdade que de Deus ouvi; isso Abraão não fez. Vós fazeis as obras de vosso pai. Replicaram-lhe eles: Nós não somos nascidos de prostituição; temos um Pai, que é Deus.Respondeu-lhes Jesus: Se Deus fosse o vosso Pai, vós me amaríeis, porque eu saí e vim de Deus; pois não vim de mim mesmo, mas ele me enviou. Por que não compreendeis a minha linguagem? é porque não podeis ouvir a minha palavra. Vós tendes por pai o Diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele é homicida desde o princípio, e nunca se firmou na verdade, porque nele não há verdade; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio; porque é mentiroso, e pai da mentira. Mas porque eu digo a verdade, não me credes. João 8:25-45

Identificou quem era os filhos do diabo? Todos aqueles que não deram crédito a verdade para serem salvos! “Por que não compreendeis a minha linguagem? é porque não podeis ouvir a minha palavra. Vós tendes por pai o Diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai;”

Então veja; a base na nova aliança pra salvação deixou de ser pelas OBRAS DA LEI para dar lugar é a fé em Deus! 

Está escrito: "Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo;" Romanos 5:1

O apóstolo Paulo disse também “Porque: Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Como pois invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram falar? e como ouvirão, se não há quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados? assim como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam coisas boas! Mas nem todos deram ouvidos ao evangelho; pois Isaías diz: Senhor, quem deu crédito à nossa mensagem? Logo a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Cristo." Romanos 10:13-17

“Logo a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Cristo”

O que os universalista não entendem por isso não aceitam é que houve uma mudança do acesso a Deus. Judeus e gentios tendo livre acesso a Deus não pelas obras da Lei onde se necessitava de um sacerdote levítico, mas pela fé pelo supremo sacerdote e Senhor a saber Jesus.

Vamos recobrar; Na aliança da graça, qual a base de justiça para a salvação?
Resposta: A fé!

Outra pergunta: A fé é de todos?
Resposta: Não! 
“e para que sejamos livres de homens perversos e maus; porque a fé não é de todos.” 2 Tessalonicenses 3:2

Se a fé não é de todos, logo se entende que nem todos serão salvos, agora por quê? Porque pelo ato soberano de Deus, Ele criou os vasos de ira Preparados para a perdição! 
Então os vasos de ira, os impios, não crerão para que seja salvo, não serão agraciados pelo dom da fé para que creia. Veja isso nos textos abaixo:

“E que direis, se Deus, querendo mostrar a sua ira, e dar a conhecer o seu poder, suportou com muita paciência os vasos da ira, preparados para a perdição;” Romanos 9:22

Observe que a palavra “Perdição” nesse texto aparece como um substantivo abstrato que quer dizer “apõleia” que quer dizer: PERDA DE BEM-ESTAR, DE FELICIDADE. Descreve desperdício ou ruína.
A tradição religiosa não aceita essa determinação de Deus; eles não aceitam o fato do Deus de Amor determinar pessoas para a perdição! Mas a bíblia e clara a respeito disso:

“Ainda que se mostre favor ao ímpio, ele não aprende a justiça; até na terra da retidão ele pratica a iniqüidade, e não atenta para a majestade do Senhor.” Isaías 26:10

“O Senhor fez tudo para um fim; sim, até o ímpio para o dia do mal.” Provérbios 16:4

“Porque diz a Moisés: Terei misericórdia de quem me aprouver ter misericórdia, e terei compaixão de quem me aprouver ter compaixão. Assim, pois, isto não depende do que quer, nem do que corre, mas de Deus que usa de misericórdia. Pois diz a Escritura a Faraó: Para isto mesmo te levantei: para em ti mostrar o meu poder, e para que seja anunciado o meu nome em toda a terra. Portanto, tem misericórdia de quem quer, e a quem quer endurece. Dir-me-ás então. Por que se queixa ele ainda? Pois, quem resiste à sua vontade? Mas, ó homem, quem és tu, que a Deus replicas? Porventura a coisa formada dirá ao que a formou: Por que me fizeste assim? Ou não tem o oleiro poder sobre o barro, para da mesma massa fazer um vaso para uso honroso e outro para uso desonroso? E que direis, se Deus, querendo mostrar a sua ira, e dar a conhecer o seu poder, suportou com muita paciência os vasos da ira, preparados para a perdição; para que também desse a conhecer as riquezas da sua glória nos vasos de misericórdia, que de antemão preparou para a glória, os quais somos nós, a quem também chamou, não só dentre os judeus, mas também dentre os gentios? Como diz ele também em Oséias: Chamarei meu povo ao que não era meu povo; e amada à que não era amada.” Romanos 9:15-25

Fica absolutamente claro que os impios das gerações posteriores a 70 d.C são sim punidos eternamente devido a sua obstinação de Cristo! A justiça da aliança da graça é mediate a fé somente, fé essa que não vem de vós é dom de Deus! É inconcebível e irracional a ideia que todos nascem salvos e que mesmo os mais imorais dos homens sejam salvos, pois a Bíblia diz que: “Mas, quanto aos medrosos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos adúlteros, e aos feiticeiros, e aos idólatras, e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago ardente de fogo e enxofre, que é a segunda morte.” Apocalipse 21:8

Pergunta a algum universalista se ele quer levar pra casa da família dele um estuprador ou um traficante de drogas? Nunca! Logo a fé universalista é uma fé sem fundamento e ilógico.

Hoje a palavra é que julga! Quem crer é salvo e quem não crer será condenado ao lago de fogo. "Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado."  (Marcos 16 : 16)
Porém os que não vão crer são aqueles que foram destinados para isso. A palavra nos leva a Salvação e a vida eterna “Declarou-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e todo aquele que vive, e crê em mim, jamais morrerá. Crês isto?” João 11:25,26

Soli Deo Gloria

Nenhum comentário:

Seguir por e-mail

Comentários recentes